Tags

, , ,

imagem3

O nome extenso, uma data de nascimento pouco comum e uma carreira marcada pela precocidade, pelas conquistas e por acontecimentos que sempre colocaram em teste sua capacidade de auto superação.

Falamos do inesquecível ponteiro direito do Santos, Manuel Maria Evangelista Barbosa dos Santos, ou apenas Manuel Maria, nascido em Belém do Pará no dia 29 de fevereiro de 1948.

O habilidoso e ainda muito novinho Manuel, jogava pelos campinhos acanhados do futebol amador da cidade de Santarém até o dia em que seu pai, Davi Nataniel Barbosa dos Santos, precisou mudar para Belém em razão de compromissos profissionais.

E foi em Belém que seu artístico futebol foi descoberto. Antes mesmo de completar 14 anos de idade  foi encaminhado aos juvenis do Clube do Remo, onde rapidamente ganhou destaque.

Crédito: raymundogoncalves.blogspot.com.br.

Crédito: raymundogoncalves.blogspot.com.br.

Todavia, a natureza dinâmica do trabalho do pai logo exigiu o retorno da família para Santarém.

Depois de entendimentos com os dirigentes do Clube do Remo, o jovem Manuel permaneceu desfilando seu malabarismo dentro das fileiras do Leão Azul.

Entretanto, uma fratura no braço direito foi o suficiente para que o encanto dos cartolas do clube com o promissor futebol de Manuel Maria, fosse desfeito quase que instantaneamente.

Dessa forma, Manuel voltou ao berço em Santarém.

Crédito: gazetaesportiva.net.

Crédito: gazetaesportiva.net.

Equipe do Santos em 1969, no estádio do Maracanã, antes da histórica partida do milésimo gol de Pelé contra o Vasco. Em pé: Carlos Alberto Torres, Agnaldo, Ramos Delgado, Djalma Dias, Clodoaldo e Rildo. Agachados: Mané Maria, Lima, Edu, Pelé, Abel e o massagista Macedo.

Equipe do Santos em 1969, no estádio do Maracanã, antes da histórica partida do milésimo gol de Pelé contra o Vasco. Em pé: Carlos Alberto Torres, Agnaldo, Ramos Delgado, Djalma Dias, Clodoaldo e Rildo. Agachados: Mané Maria, Lima, Edu, Pelé, Abel e o massagista Macedo.

Com o braço curado, iniciou sua trajetória jogando pelo São Raimundo, apesar da desconfiança inicial do treinador em razão do porte físico franzino do atacante.

Triunfos pelo São Raimundo e participações pelo selecionado local no Intermunicipal de 1966, fizeram com que os times da capital paraense corressem atrás do refinado futebol do jovem atacante.

O pai, experiente das coisas da vida, preferiu o Tuna Luso Brasileira, onde o filho jogaria mais tranqüilo em 1967. Em campo Manuel Maria acabou com os pobres laterais e Belém ficou pequena demais para ele.

Convocado para time olímpico de 1968, despertou o interesse dos cartolas do Santos, que sob o olhar clínico de Zito, promoveu sua estreia em uma excursão em gramados europeus.

Manuel Maria e Pelé.

Manuel Maria e Pelé.

No time da Vila, Manuel Maria foi espetacular.

Ainda muito jovem conseguiu vestir o número 7 do lendário Dorval e quando os torcedores viram o garoto jogar não deixaram por menos e o chamaram de “Mané”, uma referência ao melhor ponta direita do mundo, Mané Garrincha.

Logo em seguida, Mané Maria foi lembrado para o grupo de selecionáveis da Copa do Mundo de 1970, no México.

Com o afastamento por contusão do ponteiro direito Rogério Hetmanek do Botafogo do Rio de Janeiro, Manuel Maria tinha chances concretas de figurar no time de Mário Jorge Lobo Zagallo.

Crédito: revista Placar - 8 de maio de 1970.

Crédito: revista Placar – 8 de maio de 1970.

O chute de Manuel Maria desvia em Ademir da Guia e engana Leão. O Santos venceu o Palmeiras por 2x0 no Morumbi. Crédito: revista Placar - 10 de julho de 1970.

O chute de Manuel Maria desvia em Ademir da Guia e engana Leão. O Santos venceu o Palmeiras por 2×0 no Morumbi. Crédito: revista Placar – 10 de julho de 1970.

Júlio Mazzei, diretor de futebol do Santos, determinou que Manuel Maria não fosse incluído na delegação do Santos em mais uma excursão, já que poderia ser convocado para o lugar de Rogério.

No entanto, os homens da comissão técnica canarinho optaram por levar um terceiro goleiro e dessa forma o nome de Emerson Leão figurou na lista final que embarcou para o mundial.

Desolado, Manuel Maria permaneceu treinando nas categorias de base para manter sua forma física e criar forças para seguir em frente.

Foi  justamente durante esses dias que ele sofreu o acidente, que praticamente abreviou sua carreira no futebol, quando seguia com seu automóvel pela orla da praia de Santos.

Crédito: revista Placar.

Crédito: revista Placar.

Crédito: revista Placar - 16 de outubro de 1970.

Crédito: revista Placar – 16 de outubro de 1970.

O acidente atrapalhou Manuel que vinha com atuações destacadas pelo time alvinegro. O jovem, então com apenas 22 anos, ficou em estado de coma por 11 dias, causando apreensão em familiares e amigos.

Ao todo, foram 165 partidas pelo alvinegro da Vila Belmiro com 37 tentos anotados no período entre 1968 até 1973, retornando depois em 1976, quando encerrou sua carreira. Em sua galeria de conquistas encontramos:

– Campeão da Taça de Prata – Roberto Gomes Pedrosa (1968); Campeão da Recopa Sul-Americana Inter-Clubes (1968); Torneio da Amazônia (1968); Campeão Paulista (*1968, 1969 e 1973); Campeão do Torneio Hexagonal do Chile (1970); e Campeão da Taça Cidade de São Paulo (1970). *Algumas fontes não incluem o título paulista de 1968.

Manuel também teve passagens pela Portuguesa Santista, Racing da Argentina, Paysandu de Belém, Coritiba e Colorado (PR), além do sucesso no Cosmos de Nova York ao lado de Pelé.

Depois do futebol, Manuel trabalhou nos bastidores descobrindo talentos e ensinando os segredos da bola em escolinhas.

Crédito: revista Placar – 26 de fevereiro de 1971.

Crédito: revista Placar – 26 de fevereiro de 1971.

Crédito: revista Placar - 4 de junho de 1971.

Crédito: revista Placar – 4 de junho de 1971.

Créditos de imagens e informações para a criação do texto: revista Placar (por Artur Ferreira), placar.abril.com.br, site do Milton Neves, santosfc.com.br, semprepeixe.com.br, gazetaesportiva.net, marcelodieguez.com.br, campeoesdofutebol.com.br, tunaluso.wordpress.com, raymundogoncalves.blogspot.com.br, dnasantastico.com, futeboldebotaoantigo.blogspot.com.

Anúncios